30/08/2004

Mitologia #5

Pouco tempo após a troca de opiniões com as Amazonas, Teseu travou conhecimento com Pirítoo, que, a bordo do seu navio, se dedicava à nobre arte da pirataria. Tornaram-se amigos, e dessa amizade não tardaram novas aventuras.



Em conjunto defrontaram os Centauros, criaturas metade homem metade cavalo.



Juntos desceram também aos infernos para libertar Perséfone, com quem Pirítoo ansiava casar. O facto de Perséfone ser mulher de Hades, Rei dos Mortos, não foi impedimento para avançarem.



Mas o que é certo é que a coisa deu para o torto e rapidamente os dois viram-se prisioneiros de Hades. Teseu acabou por se safar graças à intervenção de Héracles, o mesmo não tendo acontecido com Pirítoo, que ainda hoje pena pela audácia tida.

Os Dioscuros, Castor e Pólux, gémeos e protectores dos marinheiros, eram também irmãos de Helena (de Tróia), que, segundo uma das versões da lenda, foi raptada de Esparta por Teseu e feita sua mulher. Acontecimento este que se viria a revelar fatal. É que, no sentido de reaver a irmã, Castor e Pólux dirigiram-se de Esparta a Atenas, e aí enfrentaram e derrotaram Teseu.



Derrota essa que forçou o nosso herói mitológico Teseu ao exílio. Viria a morrer na ilha de Ciros, provavelmente assassinado.


Internet

http://www.mythweb.com/heroes/theseus/
http://web.ukonline.co.uk/conker/weird-beasts/minotaur.htm
http://www.steliart.com/theseus.html
http://homepage.mac.com/cparada/GML/Theseus.html
http://www.online-mythology.com/theseus/


A seguir: a lenda em sons