10/09/2004

Elisabete de Wittelsbach (1837-1898)

Passam hoje 106 anos sobre o assassínio em Genebra da Princesa Sissi, às mãos de um anarquista italiano. Elisabete de Wittelsbach havia casado em 1854 com Franz Joseph, Imperador da Áustria, tendo sido coroada Raínha da Hungria em 1867.



Seguindo uma tradição da família Wittelsbach, Elisabete não era muito estável emocionalmente (forma simpática de descrever os seus problemas), tendo entrado em forte depressão quando se apercebeu que a sua sogra controlava em absoluto a sua vida e que quase não lhe era permitido ver os seus filhos.

Um dos locais escolhidos pela Princesa para repousar e recuperar da maleita foi a Ilha da Madeira, certamente um local menos badalado na altura, pela ausência do nosso inestimável Alberto João... Outros tempos, outros sossegos.

Links