16/10/2004

Compositores - 5: Cole Porter (1891-1964)

Ontem um Europeu, hoje um Americano, ontem assinalava-se o nascimento de um, hoje a morte de outro, Cole Porter, falecido em 15 de Outubro de 1964, há exactamente 40 anos. Uma coisa em comum, o talento prematuro: aos 6 anos já Cole Porter tocava piano e violino, aos 10 compunha as primeiras canções.


Cole Porter

Depois de se ter formado em Yale (quando de lá saiu já tinha mais de 300 canções compostas), chegou a estudar direito na Universidade de Harvard, sem qualquer sucesso. Coisas de pressões familiares, condenadas naturalmente ao fracasso, a vocação era outra.

Em 1916 See America First marcou a sua estreia na Broadway. Foi um fiasco monumental, não subiu ao palco mais de 15 vezes. No ano seguinte mudou-se para a Paris, onde levou uma vida que fez plena justiça à expressão "à grande e à francesa"... Tal não impediu todavia que fosse lá que viesse a obter, em 1929, o seu primeiro grande êxito, com a canção Let's Do It (Let's Fall in Love). Nos anos 30 teve inúmeros musicais na Broadway, nos anos 40 e 50 continuou a escrever centenas de canções para variadíssimos musicais.



Ella Fitzgerald ajudou a imortalizar canções como Night and Day, Anything Goes, Let's Do It (Let's Fall in Love), entre outras, incluídas num disco gravado em Março de 1956 em Hollywood.



Links