19/03/2005

CDs #27: Charles Ives, Concord Sonatas & Songs

Alguém sentado a martelar num piano e uma senhora ao lado a gritar, provavelmente por dores abdominais insuportáveis, não é cena que os heróis em miniatura, que fazem do nosso lar um sobressalto constante, consigam associar a algo que tenha o mais pequeno resíduo de interesse. Um simples CD não nos premeia com estas imagens, mas a imaginação dos diabretes é admirável, pelo que a associação à cena descrita é imediata. Aos afortunados pais, colocados perante o desejo de ouvir as Canções e a Sonata para Piano Nº2 de Charles Ives (1874-1954) por um lado, e a garantida revolta infantil com a consequente zaragata pelo outro, resta esperar que Morfeu cumpra finalmente a missão que alguém lhe deu... Aconchegam-se uns no silêncio dos guerreiros, outros nos sons que o quebram. Valha a harmonia.


Charles Ives

Do compositor já se falou
aqui, sendo o disco em causa um dos que lá aparece listado. A abrir o disco estão 17 canções, todas elas compostas em 1922, embora os primeiros rabiscos de algumas delas já viessem da última década do século XIX. Fecha com uma das suas obras mais conhecidas, a sonata Concord. Termine-se referindo que estas foram das últimas peças compostas por Ives, depois delas poucas mais escreveu.



Charles Ives
Songs. Piano Sonata No.2, "Concord, Mass., 1840-60".
Susan Graham, meio-soprano
Pierre-Laurent Aimard, piano
Tabea Zimmermann, viola
Emmanuel Pahud, flauta
Warner Classics 2564 60297-2