31/05/2005

CDs #38: Haydn, Creation Mass, Missa "rorate coeli desuper"

Durante cerca de 30 anos, entre 1761 e 1790, Joseph Haydn (1732-1809) trabalhou na corte dos Esterházy, uma das mais importantes (monetariamente saudáveis...) famílias húngaras. Primeiro como vice-Kappelmeister e, depois da morte de G. J. Werner, em 1766, como Kappelmeister (director de instituição musical), era sua responsabilidade não só compor, como dirigir os músicos residentes e organizar a colecção de manuscritos e instrumentos existente na corte.


Joseph Haydn

Após a morte de Nikolaus Esterházy, em 1790, Haydn manteve-se ao serviço da corte mas ganhou liberdade de movimentos, aproveitada para mudar residência para Viena e para duas visitas a Londres (1791-2 e 1794-5). No regresso a Viena depois da 2ª deslocação a Londres, Haydn foi encarregue pelo seu novo patrono, o príncipe Nikolaus II, neto de Nikolaus Esterházy, de escrever uma série de missas para a celebração do dia do onomástico de sua esposa, princesa Marie Esterházy. Escreveu 6, entre 1796 e 1802, sendo a "Creation Mass" a , composta na segunda metade de 1801 e estreada no dia 13 de Setembro desse ano. Haydn viria a falecer a 31 de Maio de 1809.

Este excelente disco contém ainda a Missa em sol maior "rorate coeli desuper", apenas descoberta já no decorrer do século XX, sucessivamente atribuída a Georg Reutter, Ferdinand Arbesser e finalmente a Reutter e Haydn em conjunto...



Joseph Haydn
Mass in B flat major, "Shöpfungsmesse", Hob.XXII:13.
Mass in G major, "rorate coeli desuper", Hob.XXII:3.
Susan Gritton, soprano
Pamela Helen Stephen, meio-soprano
Mark Padmore, tenor
Stephen Varcoe, barítono
Collegium Musicum 90
Richard Hickox
Chandos CHAN 0599


Internet