16/09/2005

Concertos #22

Nos inícios de 1787, Mozart (1756-1791) deslocou-se pela primeira vez a Praga, para assistir à sua ópera Le nozze di Figaro, que tinha tido a sua estreia em Viena, em Maio do ano anterior.

Mozart regressaria a Praga em Outubro desse mesmo ano, dessa vez para a estreia de Don Giovanni, "Il Dissoluto punito, o il Don Giovanni. Opera buffa in 2 Atti - Pezzi di Musica 24". Não se estranhará a escolha desta cidade, pois a ópera anterior, embora bem recebida em Viena, registou muito maior sucesso na capital da Boémia.


Wolfgang Amadeus Mozart

Quando Mozart deixou Viena, acompanhado de sua esposa, já tinha uma boa parte da ópera escrita, faltando ainda algumas passagens, que o compositor planeava terminar já em Praga. Consta que Mozart apenas finalizou a abertura no dia anterior à estreia da ópera, que teve lugar no dia 29 de Outubro de 1787. As falhas da orquestra ao tocar a famosa abertura foram mais que muitas, pois os coitados dos músicos nunca a tinham tocado antes, era a primeira vez que viam o diabo daquela partitura!!!



O próprio Mozart dirigiu a ópera, e o sucesso foi estrondoso. Extensível à abertura, fortemente aplaudida pelo público...

O concerto a que vamos assistir amanhã na
Casa da Música começa precisamente com a Abertura Don Giovanni, a que se seguirá a Sinfonia Nº40, também de Mozart. A segunda parte será preenchida com o poema sinfónico Ein Heldenleben (Uma Vida de Herói), de Richard Strauss (1864-1949). Destas 2 últimas obras falar-se-á por aqui noutra altura, oportunidades não faltarão.

Wolfgang Amadeus Mozart
Abertura Don Giovanni.
Sinfonia Nº40.
Richard Strauss
Ein Heldenleben.
Orquestra Nacional do Porto
Marc Tardue


Internet

http://w3.rz-berlin.mpg.de/cmp/mozart.html
http://www.studio-mozart.com/mozart/
http://www.carolinaclassical.com/articles/mozart.html
http://opera.stanford.edu/Mozart/DonGiovanni/main.html
http://en.wikipedia.org/wiki/Don_Giovanni

Sem comentários:

Enviar um comentário