07/09/2005

Lugares #105

Por este canto virtual já passou um rei, D. João I, que nos contou parte da sua vida, atribulada como seria de esperar (ver aqui, aqui, aqui, aqui e aqui). D. Maria II já por cá anda, outros poderão vir a passar, o convite já foi enviado. Um deles será certamente D. Afonso III (1210-1279), o Bolonhês, que sucedeu como rei a seu irmão, D. Sancho II, no decorrer de um processo complicado, que levou mesmo a uma guerra civil.



De Afonso III se falará mais tarde, por agora apenas nos interessa uma das suas obras. É que uma das preocupações deste rei foi o povoamento do reino, para o que tratou de construir e/ou reparar diversos castelos, porque na altura não se podia confiar demasiado nos vizinhos ibéricos (contra Castela... castelos!).



Um dos castelos que fundou, nos inícios do século XIII, foi o do Lindoso, estrategicamente colocado para defender a portela da Serra Amarela e do Vale do Cabril. Seria posteriormente ampliado por D. Dinis (1261-1325) e reforçado no decorrer do século XVII. Foi ocupado pelos espanhóis em 1662 e recuperado 2 anos depois, visto que não há mal que sempre dure... A guarnição foi desactivada em 1895.



Terminamos com uma pequena nota (desportiva) sobre D. Afonso III, que pensamos útil para os nortenhos mais distraídos (empedernidos...): este rei foi o responsável pela expulsão definitiva dos mouros do território nacional, após ter reconquistado o Algarve!


Internet

http://www.arqnet.pt/portal/portugal/temashistoria/afonso3.html
http://www.castelos.com.pt/vct/ptb/lindoso.html

2 comentários:

  1. Quer-se dizer: expulsou-os para lá do Mondego como atestam as barracas de comes e bebes montadas na 2ª circular à volta do estádio da Luz!

    É um prazer vir a este sítio que é tanto de serviço público como o dia com árvores. E este feito a uma só cabeça!

    Com compostura: cordiais felicitações!

    ResponderEliminar
  2. Já agora, parabéns pelo seu último postal. Brejeiro qb, e de inspiração segura!

    ResponderEliminar