23/06/2006

Compositores #65: Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791)

No Verão de 1777 (ver este postal) Mozart (1756-1791) encontrava-se em Salzburgo, em vésperas da viagem que o levaria primeiro a Mannheim e depois a Paris. Nesse Verão teve a oportunidade de conhecer Josepha Duschek (1754-1824), que lá tinha ido visitar o avô e, tendo ficado amigos, ficou com a certeza de que seria sempre bem recebido em Praga, onde os Duschek viviam. Como é sabido, a primeira viagem de Mozart a essa cidade teve apenas lugar no início de 1787, pelo que passaram-se 10 anos até que pudesse comprovar a anunciada hospitalidade.

Um pouco antes, em 1786, encontraram-se de novo, desta vez em Viena, onde Josepha Duschek, soprano (e a cantora mais conceituada de Praga) iria dar vários recitais, um deles para o imperador, onde acabou por ser acompanhada ao piano pelo próprio Mozart. Pouco tempo depois, no dia 8 de Janeiro de 1787, Mozart partiria para Praga, sem a companhia do casal Duschek, contudo, que tinha compromissos em Salzburgo.



Mozart e restante comitiva chegaram a Praga no dia 11 de Janeiro, numa altura em que Le Nozze di Figaro obtinha lá um extraordinário sucesso. Dos relatos da época, retiramos este do Prager Oberpostamtszeitung: "Ontem à noite, o nosso amado compositor Herr Mozard chegou aqui vindo de Viena. Não duvidamos de que em sua honra Herr Bondini levará de novo à cena Le Nozze di Figaro, esse admirável produto desse génio musical. (...)".

continua


Bibliografia

Mozart and Prague, by Harald Salfellner

2 comentários:

  1. Parabéns pelo blogue, que só agora descobri (e divulguei no meu). Ocasionalmente falo de música clássica, como neste texto:
    http://linha-horizonte.blogspot.com/2006/06/msica-e-totalitarismo.html

    ResponderEliminar
  2. Caro F. Santos,

    Obrigado pelos comentários (aqui e no seu blogue) e pela ligação ao desNorte. Já estabeleci entretanto a ligação recíproca, obviamente.

    Saudações,

    HVA

    ResponderEliminar