26/06/2006

Lugares #135

Aquilo que é hoje o Rijksmuseum, começou por ser em 1800 a Nationale Konstgallerij, ou Galeria de Arte Nacional e, em vez de Amesterdão, estava em Haia. Antes de encontrar poiso definitivo na praça Museumplein, experimentou vários locais em Amesterdão, o primeiro deles, em 1808, na famosa praça Dam (aquela onde se encontram o Museu da Madame Tussaud e o hotel com um nome que eu acho fantástico: Krasnapolsky).




Tal como
aqui referi recentemente, no Rijksmuseum podem-se tirar fotografias à vontade, com a única restrição de não se poder utilizar o flash. Regra apenas olimpicamente ignorada pelos japoneses que, entre duas flashadas, aguentam estoica e impassivelmente os impropérios dos guardas de serviço. É que esses guardas aindam não perceberam que as caras ameaçadoras que oferecem não impressionam tais asiáticos que, do alto dos seus 1 metro e 40, apenas lhes vêem as fivelas dos cintos...





Internet

Rijksmuseum
Rijksmuseum Amsterdam / Amsterdam.info / Wikipedia

Sem comentários:

Enviar um comentário