11/06/2006

Poemas Sinfónicos #2: Also sprach Zarathustra, Richard Strauss

Richard Strauss (1864-1949), o último dos românticos, foi o primeiro a utilizar o termo poema sinfónico. Foi aliás com um, composto em 1886 e estreado no ano seguinte, Aus Italien, que começou por chamar a atenção do público, até pela controvérsia que levantou.


Richard Strauss

Seria ainda a estreia de um outro poema sinfónico, Don Juan, que levaria Strauss a ser considerado o sucessor de Wagner como o mais representativo compositor alemão. Aquele que trazemos aqui hoje, em que se assinalam os 142 anos passados sobre o nascimento de Richard Strauss, tem uma história singular. Um filme, um extraordinário filme, fez dos primeiros cento e poucos segundos do poema sinfónico Also sprach Zarathustra um dos trechos musicais mais conhecidos de todos os tempos, de tal forma que muitos desconhecem em absoluto os outros 34 minutos que se seguem...



O filme, 2001: Odisseia no Espaço, de Stanley Kubrick (1928-1999), já tem quase 40 anos, mas aquele nascer do Sol ao som da música de Strauss ficará para sempre nas nossas memórias.


CDs



Richard Strauss
Also sprach Zarathustra. Horn Concerto No.2. Vier letzte Lieder.
Don Juan. Till Eulenspiegels lustige Streiche. Ein Heldenleben.
Norbert Hauptmann, horn
Gundula Janowitz, soprano
Berliner Philharmoniker
Herbert von Karajan
Deutsche Grammophon 469 208-2

Richard Strauss
Also sprach Zarathustra. Don Juan. Salome. Till Eulenspiegels lustige Streich.
Wiener Philharmoniker
Herbert von Karajan
Decca 466 388-2

Richard Strauss
Also sprach Zarathustra. Don Juan. Four Last Songs.
Lucia Popp, soprano
London Philharmonic Orchestra
Klaus Tennstedt
EMI Seraphim 73560-2

Sem comentários:

Enviar um comentário