24/06/2006

Sinfonias #17: Sinfonia Nº5, de Vaughan Williams

Quando, neste texto, falámos da Sinfonia Nº4 do compositor inglês Ralph Vaughan Williams (1872-1958), referimos a sua atmosfera inquieta, tumultuosa, mesmo violenta, porventura resultado dos tempos que se viviam na altura, e que antecederam a 2ª Guerra Mundial. Teoria nunca confirmada pelo compositor, diga-se, que sempre se recusou a ligá-la a acontecimentos específicos.

Vaughan Williams terminou a Sinfonia Nº5 em 1943, cerca de 10 anos depois da anterior. Apesar de composta em pleno conflito mundial, transmite-nos um ambiente lírico, sereno, em total oposição à anterior, ao ponto do musicólogo Michael Kennedy (1926-) a ter designado de "sinfonia da cidade celestial".

Estruturada em 4 andamentos, regra a que apenas a Sinfonia Nº7, com 5 andamentos, não obedeceu, foi dedicada ao compositor finlandês Jean Sibelius (1865-1957) e estreada pelo próprio Vaughan Williams, à frente da Orquestra Filarmónica de Londres
, no dia 24 de Junho de 1943. A sinfonia termina com uma passacaglia, tal como a 4ª Sinfonia de Johannes Brahms (1833-1897). Comparação inevitável, esta, pois raras foram as passacaglias compostas nos períodos clássico e romântico. Já o mesmo não se dirá do século XX, em que a passacaglia, ou repetição frequente de um mesmo motivo, normalmente uma frase curta, foi utilizada por vários compositores, como Alban Berg (1885-1935), Paul Hindemith (1895-1963), Maurice Ravel (1875-1937), Arnold Schoenberg (1874-1951) e Anton Webern (1883-1945).


CDs



Ralph Vaughan Williams
Symphony No.5. Flos Campi (suite). Oboe Concerto.
Christopher Balmer (viola), Jonathan Small (oboé)
Royal Liverpool Philharmonic Chorus
Royal Liverpool Philharmonic Orchestra
Vernon Handley
EMI CD-EMX9512

Ralph Vaughan Williams
Symphonies 1-9.
Isobel Baillie, Margaret Ritchie (sopranos),
John Cameron (barítono), John Gielgud (narrador)
London Philharmonic Choir
London Philharmonic Orchestra
Adrian Boult
Decca 473 241-2

Ralph Vaughan Williams
Symphonies 1-9. The Lark Ascending.
Fantasia on a Theme by Thomas Tallis.
In the Fen Country. On Wenlock Edge.
London Philharmonic Choir
London Philharmonic Orchestra
Bernard Haitink
EMI 5 86026-2


Internet

Vaughan Williams
the RVW Society
/ Boosey & Hawkes / Wikipedia / Classical Net

2 comentários:

  1. Olá, Mais uma vez venho recomendar o Festival de ópera e Música Clássica de Ponte de Lima, de 8 a 2 de Julho, com espectáculos em lugares lindíssimos como o Museu dos Terceiros, Teatro Diogo Bernardes e alguns solares.

    ResponderEliminar
  2. Cara Monalisa,

    Antes de mais, dou-lhe os parabéns pelo 2º aniversário do Sítio da Saudade. No próximo fim-de-semana não poderei ir a Ponte de Lima, mas seguramente que este ano lá irei para assistir ao Festival de Ópera e Música Clássica. Obrigado pelo convite (e pela lembrança...).

    Saudações,

    HVA

    ResponderEliminar