21/01/2007

Violoncelistas #8: Auguste Franchomme (1808-1884)

Frédéric Chopin (1810-1849) não se limitou a escrever obras para piano, embora estas estejam em grande maioria na sua obra. E não se ficou apenas pela música instrumental e orquestral, tendo escrito algumas canções e ainda alguma, embora escassa, música de câmara. Neste último género, há um instrumento que, curiosamente, rivaliza fortemente com o piano: o violoncelo. Pois a última obra publicada em vida de Chopin reuniu precisamente estes dois instrumentos favoritos do compositor: a Sonata para Violoncelo e Piano, Op.65, publicada em 1847, dois anos antes de falecer.

Esta obra foi dedicada ao seu amigo e grande violoncelista Auguste Franchomme, de quem hoje se assinala o 123º aniversário da sua morte. Franchomme, apesar de nascido em Lille, foi um parisiense militante: depois de para lá se ter mudado, apenas se ausentou uma vez, para uma breve deslocação a Inglaterra, corria o ano de 1856. Violoncelista brilhante como era, tendo obtido o primeiro prémio de violoncelo do Conservatório de Paris logo no primeiro ano em que o começou a frequentar, é natural que tenha acabado por travar conhecimento com Chopin, que se tinha mudado para a capital francesa em 1831. Do conhecimento passaram à amizade e à colaboração mútua, culminando na tal dedicatória de Chopin a Franchomme.


CD



Franchomme
Le Violoncelle virtuose.
Ensemble Explorations
Roel Dieltiens
Harmonia Mundi HMA1951610


Internet

Auguste Franchomme
Wikipedia
/ Cello.org / Cello Heaven

Sem comentários:

Enviar um comentário