19/02/2008

CDs #152: Janácek, Haas

Quando obteve o seu primeiro sucesso significativo, em 1916, o compositor checo Leos Janácek (1854-1928) contava já mais de 60 anos de idade. Tal não impediu, todavia, de que fosse nessa idade que a inspiração mais o atacou, com muitas e importantes obras publicadas na década que se seguiu. É geralmente aceite que dois importantes factos terão contribuido para essa torrente de inspiração: o referido sucesso em 1916, com a estreia da ópera Jenufa, e o seu amor por uma jovem 37 anos mais nova do que ela, Kamila Stösslová (1891-1935), casada com um... antiquário. Está visto que enquanto o cavalheiro olhava pelas coisas antigas, o nosso Janácek procurava velar pelas mais novas... Parece que a paixão de Janácek não era propriamente retribuida, mas também não era suficientemente desencorajada para que ele deixasse de alimentar ilusões.

Na última década de vida Janácek, além de escrever imensas cartas, mais de 700, ao objecto da sua paixão, compôs a maior parte das suas obras mais significativas, como as últimas 4 óperas, a Glagolitic Mass e os 2 quartetos de cordas. E se para escrever o primeiro destes quartetos precisou de apenas uma semana, para compor o segundo também não necessitou de muito mais, tendo-o rabiscado em cerca de duas, entre os dias 29 de Janeiro e 19 de Fevereiro de 1928. Passam assim hoje 80 anos sobre a data em que Janácek terminou o Quarteto de Cordas Nº2, a que deu inicialmente o nome de Cartas de Amor mas, por achar que não devia "expor os seus sentimentos a idiotas", alterou-o no dia seguinte para Cartas Íntimas. Foi a última obra deixada completa pelo compositor, que viria a falecer no dia 28 de Agosto desse ano.

Deste (fantástico) disco consta ainda um quarteto de cordas de um compositor já nosso conhecido, Pavel Haas (1899-1944), uma das muitas vítimas da barbárie nazi, conforme anteriormente referimos aqui e aqui. Haas foi aluno de composição nas master classes de Janácek, e é essa a razão para aparecerem lado a lado neste disco.




Leos Janácek
String Quartet No.2, "Intimate Letters".
Pavel Haas
String Quartet No.2, Op.7, "From the Monkey Mountains".
Colin Currie (percussão)
Pavel Haas Quartet
Supraphon SU3877-2
(2006)


Internet

Leos Janácek
Classical Music Pages / Leos Janácek / Wikipedia / la médiathèque / Opera Glass

Sem comentários:

Enviar um comentário