13/01/2009

Compositores #91: Mozart Camargo Guarnieri (1907-1993)

Já tinha anteriormente afirmado, a propósito da programação da Casa da Música para 2009, que este ano teria tons (sons...) acentuadamente brasileiros. Reforçando tal facto, decidi convidar para aqui hoje o brasileiro Mozart Camargo Guarnieri, possivelmente um dos mais conhecidos e divulgados compositores do Brasil , a seguir a Heitor Villa-Lobos (1887-1959).

Nascido no seio de uma família modesta, Camargo Guarnieri viu-se forçado, nos primeiros anos de vida em São Paulo, a conciliar os estudos musicais com a necessidade de ajudar o pai na barbearia. Devagar as coisas foram melhorando, e a 2ª metade da década de 1930 encontrou Camargo Guarnieri em Paris, para prosseguir os estudos com Charles Koechlin (1867-1950), por sua vez um antigo aluno de Gabriel Fauré (1845-1924).

Deu-se depois o regresso ao Brasil, a São Paulo, e não tardou muito até que Camargo Guarnieri se tornasse num dos elementos mais notados da vida musical daquela cidade, tendo, inclusivamente, sido co-fundador da Academia Brasileira de Música, fundada em Julho de 1945 precisamente por Villa-Lobos. Foi um compositor prolífico, com mais de 700 obras à sua conta, entre sinfonias, concertos para piano, obras para orquestra de câmara, música de câmara, sonatas e música vocal, além das óperas Pedro Malazarte e Um Homem Só.

Mozart Camargo Guarnieri faleceu há 16 anos, no dia 13 de Janeiro de 1993.


CDs




Mozart Camargo Guarnieri
Symphonies - No.2, "Uirapurú"; No.3. Abertura Concertante.
Sao Paulo Symphony Orchestra
John Neschling
BIS BIS-CD-1220

Mozart Camargo Guarnieri
Symphonies - No.5; No.6. Suíte Vila Rica.
Sao Paulo Symphony Chorus
Sao Paulo Symphony Orchestra
John Neschling
BIS BIS-CD-1320

Mozart Camargo Guarnieri
Piano Concertos - No.1; No.2; No.3.
Max Barros (piano)
Warsaw Philharmonic Orchestra
Thomas Conlin
Naxos 8.557666

Alberto Nepomuceno
Prece. Galhofeira.
Mozart Camargo Guarnieri
Dansa negra. Dansa brasileira.
Oscar Lorenzo Fernandez
Suites Brasileiras - No.1; No.2; No.3. Três Estudos em Forma de Sonatina.
Heitor Villa-Lobos
A Lenda do Cabloco. Valsa da Dor.
Fructuoso Vianna
Toada nº2, Jogos Pueris, Schumanianna. Prelúdios - No.3; No.4.
Serenata Espanhola. Berceuse do Sabiá. Seresta. Corta-Jaca.
Cristina Ortiz (piano)
Intrada INTRA016

Obrigado Brazil
Mozart Camargo Guarnieri
Dansa brasileira. Dansa negra.
+ obras de César Camargo Mariano, António Carlos Jobim, Heitor
Villa-Lobos, Jacob do Bandolim, Roberto Baden-Powell, Pixinquinha,
Sérgio Assad, Egberto Gismonti e Waldyr Azevedo.
Yo-Yo Ma (violoncelo), Cesar Camargo Mariano, Helio Alves, Kathrin
Stott (pianos), Rosa Passos, Odair Assad, Sergio Assad, Romero Lubambo,
Oscar Castro-Neves, Egberto Gismonti (guitarras), Cyro Baptista, José
da Silva, José de Faria (percussão), Nilson Matta (contrabaixo), Paulo
Braga (tambores), Paquito d'Rivera (clarinete)
Sony Classical SK89935
(2002)


Internet

Mozart Camargo Guarnieri
Algosobre / P. Q. P. Bach / Ponteio Publishing, Inc. / Wikipédia

1 comentário: