05/04/2012

CDs #226: Roussel, Symphony No.2

Apesar de ter demonstrado um grande interesse pela música desde muito jovem, a verdade é que o francês Albert Roussel (1869-1937), quando chegou a altura das grandes decisões, optou pela marinha francesa. Ao contrário do que eventualmente pensaria na altura, esta acabou por não ser uma decisão para a vida e, em 1894, zarpou rumo ao mundo musical, por onde ficaria até ao fim dos seus dias.

Em Paris estudaria com o compositor e organista Eugène Gigout (1844-1925), numa primeira fase, e com Vincent d'Indy (1851-1931) na recém-criada Schola Cantorum, 4 anos depois. Em 1902 Roussel lá ensinava contraponto, tendo tido entre os seus alunos Bohuslav Martinu (1890-1959) e Erik Satie (1866-1925).

É usual dividir-se a carreira de Roussel como compositor em 3 fases: uma primeira, impressionista, que vai do início do século XX até 1913, marcada pela influência de Claude Debussy (1862-1918) e Maurice Ravel (1875-1937); seguiu-se a fase das complexidades harmónicas, concentrada na década de 1920, caracterizada ainda pela inclusão de melodias tradicionais da Índia, e a que pertence a Sinfonia Nº2, a obra principal apresentada neste disco; finalmente, a fase neo-clássica, da maturidade do compositor, a que pertencem, nomeadamente, as Sinfonias Nºs 3 e 4. Porventura a produção musical de Roussel é apenas dividida nestas 3 fases porque o compositor mandou para o caixote do lixo tudo o que compôs na década de 1890...

Albert Roussel nasceu há 143 anos, no dia 5 de Abril de 1869.




Albert Roussel
Symphony No.2. Pour une fête de printemps. Suite in F.
Royal Scottish National Orchestra
Stéphane Denève
Naxos 8.570529
(2006, 2007)


Internet




Albert Roussel
allmusic / Classical Archives / Naxos / 8notes / Bach Cantatas Website / Answers.com / Classical Net / Wikipedia

Sem comentários:

Enviar um comentário