31/01/2016

CDs #239: Schubert Chamber Works

A música de câmara tem no compositor austríaco Franz Schubert (1797-1828) um dos seus melhores representantes, com um extenso e impressionante legado, que passa por sonatinas para violino e piano, trios de cordas, (15) quartetos e quintetos de cordas, além de diversas outras obras.

Em Maio de 1919, pouco depois do final da 1ª Grande Guerra, portanto, o compositor e violinista Adolf Busch (1891-1952) funda em Berlim o Quarteto Busch, que se manteria activo por mais de 32 anos, sendo apenas dissolvido nos finais de 1951 por motivos de saúde de Busch. Ao longo da sua carreira especializaram-se principalmente nos grandes representantes do período clássico, com incursões não tão frequentes quanto isso no período romântico, e contaram muita vezes com a colaboração de um já velho conhecido nosso, o pianista, igualmente austríaco, Rudolf Serkin (1903-1991).

Este triplo CD, que aqui trago no dia em que se assinala o 219º aniversário do nascimento de Shubert, conta precisamente com várias "formações Busch" a interpretar música de câmara do grande compositor austríaco; começa pelo próprio Quarteto Busch, aparecendo mais tarde Serkin em duas obras: um trio para piano e uma fantasia. As gravações datam todas da década de 1930.




Franz Schubert
String Quartets - G major, D887; B flat major, D112;
D minor, 'Death and the Maiden', D810.
Piano Trio in E flat major, D929. Fantasia in C major, D934.
Rudolf Serkin (piano)
Busch Quartet
Regis RRC3012
(1931, 1935, 1936, 1938)


Internet




Busch Quartet
allmusic / Wikipedia

Franz Schubert
allmusic / Franz-Schubert-Institut / Wikipedia

Sem comentários:

Enviar um comentário