30/03/2019

Pianistas #61: Margaret Fingerhut (1955-)


Além de ter sido responsável pelas estreias de várias obras de compositores contemporâneos, a pianista britânica Margaret Fingerhut tem, ao longo da sua carreira, dedicado uma atenção especial aos compositores britânicos, como Edgar Bainton (1880-1956), Arnold Bax (1883-1953), Lennox Berkeley (1903-1989), Herbert Howells (1892-1983), Kenneth Leighton (1929-1988), Ernest Moeran (1894-1950) e Charles Stanford (1852-1924),

Não se deu propriamente mal com nenhum destes compositores, mas as suas gravações das obras de Bax foram especialmente bem sucedidas e muito bem recebidas pela crítica da especialidade. E é pois com Fingerhut e Bax que ficamos, neste dia em que a pianista celebra o seu 64º aniversário.


CD



Arnold Bax
Octet. String Quintet. Concerto. Threnody and Scherzo. In Memoriam.
Margaret Fingerhut (piano)
Academy of St. Martin-in-the Fields Chamber Ensemble
Chandos CHAN9602
(1997)


YouTube




Margaret Fingerhut
Margaret Fingerhut / The Cross-Eyed Pianist / Wikipedia

23/03/2019

Compositores #137: Michael Nyman (1944-)

O compositor inglês Michael Nyman escreveu a banda sonora de vários filmes do realizador Peter Greenaway (1942-), a saber: The Draughtsman's Contract (1982), A Zed and Two Noughts (1985), Drowning by Numbers (1988), The Cook, the Thief, His Wife and Her Lover (1989) e Propero's Books (1991).

Há quase 5 anos falei aqui da história d'O Cozinheiro, o Ladrão, a Sua Mulher e o Amante Dela, aquando do 72º aniversário de Greenaway. Hoje, dia em que Michael Nyman celebra o seu 75º aniversário, chega a vez de aqui trazer The Draughtsman's Contract, que marca a primeira colaboração entre estes dois britânicos.

O enredo do filme, não surpreendentemente, envolve esposas insatisfeitas, artistas por satisfazer, ligações perigosas e assassínios. Para a banda sonora, Nyman usou como ponto de partida obras do também compositor inglês Henry Purcell (1659-1695).


CD



Michael Nyman
An Eye for a Difference
The Draughtsman's Contract - An Eye for Optical Theory; Queen of the Night.
La Traversée de Paris. And Do They Do. The Piano. Plotting For the Shopkeeper.
Carrington.
London Saxophonic
Tring International TRING007


YouTube




Michael Nyman
Michael Nyman / IMDb / Wikipedia

16/03/2019

Maestros #83: Václav Talich (1883-1961)

Só nos fica bem, neste dia em que passam 58 anos sobre o seu falecimento, recordarmos aqui o grande maestro, violinista e pedagogo checo Václav Talich. Destacamos, em particular, a sua atividade como maestro e os largos anos que passou à frente da Orquestra Filarmónica Checa, entre 1919 e 1941.

Talich aproveitou essa passagem para promover incessantemente as obras dos compositores seus compatriotas, e não será descabido dizer que, se eles gozam hoje de um notável reconhecimento internacional, tal se deve em boa medida à ação deste maestro. Com ele, as obras de compositores checos como Antonín Dvorák (1841-1904), Leos Janácek (1854-1928), Bedrich Smetana (1824-1884) ou Josef Suk (1874-1935) ganharam novas vidas.


CD



'Great Conductors of the 20th Century - Vaclav Talich'
Georg Benda
Symphony for String Orchestra in B flat.
Antonín Dvorák
Symphony No.9 in E minor, 'From the New World'. The Water Goblin.
Leos Janácek
The Cunning Little Vixen - Suite (arr. Talich).
Wolfgang Amadeus Mozart
Symphony No.33 in B flat, K319.
Vitezslav Novák
Moravian-Slovak Suite: Amorous Couple, Op.32.
Bedrich Smetana
Prague Carnival - Introduction; Polonaise. Ma Vlast - Sarka.
Josef Suk
Serenade for String Orchestra, Op.6.
Piotr Ilyich Tchaikovsky
Suite No.4 in G, Op.61.
Czech Philharmonic Orchestra
Slovak Philharmonic Orchestra
Václav Talich
EMI 5 75483-2


YouTube




Václav Talich
Supraphon / AllMusic / Wikipedia

10/03/2019

Maestros #82: Michael Gielen (1927-2019)


O falecimento do compositor e maestro austríaco Michael Gielen, ocorrido anteontem, foi pouco ou nada noticiado, o que não deixa de ser surpreendente dada a relevância que teve, nomeadamente, na divulgação da música contemporânea. Em ternos de relevância, aliás, a sua faceta de maestro sobrepôs-se claramente à de compositor. Além dos compositores do século XX, como Iannis Xenakis (1922-2001), Béla Bartók (1881-1945), Kurt Weill (1900-1950) e Igor Stravinsky (1882-1971), Gielen destacou-se ainda na interpretação de um dos meus compositores de eleição, o seu compatriota Anton Bruckner (1824-1896).


CD



'Michael Gielen Edition, Vol.2'
Anton Bruckner
Symphonies - No.1 in C minor (Vienna version 1890/91); No.2 in C minor (1877 version);
No.3 in D minor (2nd version 1876/77); No.4 in E flat major (1st version 1874);
No.5 in B flat major (1878 original version); No.6 in A major (1881 original version);
No.7 in E major (1883 original version); No.8 in C minor (1st version 1887);
No.9 in D minor (1894 original version).
SWR Baden-Baden and Freiburg Symphony Orchestra
Saarbrucken Radio Symphony Orchestra
Michael Gielen
SWR Music SWR19014CD


YouTube




Michael Gielen
Gramophone / A Conversation with Bruce Duffie / Wikipedia

04/03/2019

Compositores #136: Peteris Plakidis (1947-2017)


A vida e obra do compositor letão Peteris Plakidis estão intimamente ligadas a Riga, capital da Letónia. Foi lá que nasceu, no dia 4 de Março de 1947, passam hoje 72 anos, e foi para a Orquestra Sinfónica Nacional da Letónia, baseada naquela cidade, que escreveu uma boa parte das suas obras. Pianista de créditos firmados, foi como compositor, contudo, que mais se salientou, tendo recebido vários e importantes prémios no seu país. Nunca chegou, todavia, a conseguir o mesmo nível de reconhecimento fora do seu país natal.


CD



Peteris Plakidis
Music for Piano, Strings and Timpani. Songs for Wind and Blood.
Concerto for Two Oboes and Strings. Concerto-Ballad.
Antra Bigaca (meio-soprano), Uldis Urbans, Vilnis Pelnens (oboés),
Andris Pauls, Dzintars Beitans (violinos), Peteris Plakidis (piano)
Riga Chamber Players
Normunds Sne
Toccata Classics TOCC0004
(1999)


YouTube




Peteris Plakidis
Musica Baltica / Wikipedia